8 lindas ilustrações da adaptação O Pequeno Príncipe para a literatura de cordel

pequeno

Post originalmente publicado no Nota Terapia

A ideia é simples: adaptar a história de O Pequeno Príncipe de Antoine de Saint-Exupéry para o universo do cordel. Como toda ideia genial, a simplicidade se transforma em riqueza. Josué Limeira escreveu, Vladimir Barros ilustrou e, juntos, pegaram o príncipe e colocaram a cor morena do sertanejo, transformaram seu planeta em um cangaço e transpuseram todas as viagens do menino aviador de pássaros para lugares áridos, secos, de vida difícil. Há, inclusive, um rei inspirado nos monarcas e coronéis nordestinos. E claro, como todo cordel, eles mantiveram os versos breves, as rimas simples e toda a ingenuidade, ironia e inteligência que só o cordel tem.

“A gente conseguiu trazer Exupéry para o nosso quintal. Foi uma grande responsabilidade transpor isso, mas mantivemos a filosofia e poesia que ele botou no livro. “É uma homenagem que Pernambuco e o Nordeste fazem a esse aviador e escritor fantástico. Exupéry é um pouco o Pequeno Príncipe que ele mesmo criou, alguém que até continua a iluminar o céu.”, afirmou Josué Limeira.

Confira algumas ilustrações da obra:

http://i1.wp.com/portaltagit.ne10.uol.com.br/cultura/wp-content/uploads/sites/9/2015/10/set-1.jpg?resize=477%2C657

O PEQUENO PRÍNCIPE EM CORDEL

O PEQUENO PRÍNCIPE EM CORDEL

http://i2.wp.com/www.joaoalberto.com/wp-content/uploads/2015/10/07/O-pequeno-principe-cordel2.jpg?resize=632%2C434

O PEQUENO PRÍNCIPE EM CORDEL

O PEQUENO PRÍNCIPE EM CORDEL

O PEQUENO PRÍNCIPE EM CORDEL

O PEQUENO PRÍNCIPE EM CORDEL

Fonte: http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/cultura/literatura/noticia/2015/10/03/o-pequeno-principe-ganha-versao-em-cordel-201972.php

SOBRE O AUTOR

28 anos, dramaturgo, letrista, crítico e flamenguista. É bacharel em Teoria do Teatro pela UNIRIO, onde atualmente é graduando do curso de Letras/Literaturas. É adepto da leitura, pesquisa, cinema, cerveja e ócio criativo. Desde 2011 é membro do grupo Teatro Voador Não Identificado. Facebook: http://www.facebook.com/ziul.ribeiro Twitter: http://www.twitter.com/ziul